Ativos intangíveis: o que é e como identificá-los?

//Ativos intangíveis: o que é e como identificá-los?

Ativos intangíveis: o que é e como identificá-los?

Toda empresa possui seus ativos físicos que, como você viu neste artigo, são responsáveis por dar um valor real a seus bens, mas se engana quem acredita que estes são os únicos ativos a serem mensurados. Os ativos intangíveis são ativos inidentificáveis não monetários e não físicos, que normalmente são representados por marcas, bens e direitos associados a uma instituição. Mesmo que não haja uma contabilização financeira, eles possuem valores e agregam diretamente na estratégia de uma empresa.

Por isso, de acordo com a legislação brasileira, se o ativo intangível possui algum valor beneficiário à instituição, ele deve ser mensurado e incluído em seu balanço patrimonial. Assim, é possível também utilizá-lo para prestar serviços, como no caso de softwares, por exemplo. Além deles, os ativos mais comuns dentro do meio empresarial são licenças, marcas, patentes e até mesmo direitos autorais.

Para identificar os ativos intangíveis em sua empresa, é necessário levar em consideração os seguintes itens:

  • Viabilidade técnica.
  • Capacidade de venda ou uso do ativo.
  • Recursos técnicos, financeiros e outros para completar o desenvolvimento;
  • Capacidade de medir confiavelmente o gasto com o desenvolvimento.

Lembrando que ele deve ser mensurado apenas se seus benefícios econômicos futuros forem gerados em favor da entidade. Caso não seja o caso ou não seja possível mensurar estas informações, deve ser registrado apenas como despesa.

Se sua empresa possui ativos intangíveis, procure uma consultoria e identifique-os. Assim, sua empresa passa a ter um planejamento maior em relação aos gastos e valores futuros para decisões estratégicas.

Fonte: Recta Consultoria

2017-11-13T17:27:21+00:00 By |Novidades|0 Comments